Zika, microcefalia e os dilemas da gravidez

No início do ano passado, por ter sintomas parecidos com os da dengue, ela chegou a ser chamada de "doença misteriosa".

À época, quando os primeiros casos foram identificados, o Ministério da Saúde tratou-a como uma infecção "benigna", com sintomas brandos: manchas na pele, coceira e febre baixa ou ausência de febre.

Agora, associada a um surto de microcefalia em recém-nascidos, a zika virou motivo de pânico tanto para mulheres grávidas como para aquelas com seus bebês de colo com a suspeita de má-formação da cabeça.

Para entender esse drama, a Folha viajou a Pernambuco, epicentro da epidemia, onde encontrou mães desassistidas e uma estrutura precária de atendimento às crianças.


Assuntos de Goiás TV

Destaque

Walter sinaliza com redução salarial, e Vila Nova vai em busca de parceiros

Após reunião, presidente do Tigre diz que atacante aceitou receber menos para jogar no clube. Mesmo assim, diretoria precisa de invest...

Arquivo do blog

Questão Brasil nº 87 | 24 de Maio de 2016

Loading...

Seguidores