Impeachment, cassação ou renúncia? Fator Lula pode levar aliados a apoiar permanência de Temer | Conexões com o Mundo

A delação dos irmãos Joesley e Wesley Batista é cercada de pontos obscuros, tanto aos olhos da direita chucra, quanto dos Petralhas mais apaixonados desde a queda de Dilma Rousseff. A gravação foi editada, adulterada em pontos cruciais do dialogo afim de incriminar alguém, no caso o presidente da República. 

Aécio Neves, também comprometido com essa delação, não tem ainda no que se agarrar, pois foi gravado, teve o dinheiro rastreado e viu os elos fracos que o ligam a propina serem presos no dia seguinte as revelações de Lauro Jardim.
 

02/09/2016- São Paulo- SP, Brasil- O ex-presidente Lula participa da Reunião da Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) em São Paulo. Foto: Ricardo Stuckert / Instituto Lula


Posto isso é necessário esclarecer que, mesmo que tenha havido edições no áudio, não minimiza a gravidade do seu conteúdo, não tem como dizer que o Presidente Michel Temer esta inocente na história, pois o delator confessou lhe vários crimes e o mandatário da nação sequer informou as autoridades para que as investigações fossem feitas. O ponto nevrálgico deste imbróglio é o fato de que a PGR e o Supremo terem feito um acordo de colaboração sem nenhuma transparência, em que pese o delator ter entregado provas contundentes, mas os mesmos sequer foram presos ou vão usar tornozeleira eletrônica... Estranhíssimo ou não? 

Num primeiro momento, o Brasil inteiro foi atrás do que noticiava a Rede Globo, de forma unida estavam a Direita Chucra e os entusiasmados petistas pedindo a cabeça de Michel Temer e a prisão imediata de Aécio Neves. Passadas 72 horas das revelações Michel Temer não renunciou e a grande mídia juntamente com a Direita Chucra caiu em si que a derrocada dos golpistas de 2016, capitaneados por Aécio Neves e Michel Temer, pode significar um Lula ainda mais forte para a disputa de 2018 e a consequente ressurreição do Partido dos Trabalhadores, a "Geni" preferida da Lava jato. 

A chance de que o PT não ressurja no horizonte do Brasil, passa obrigatoriamente pela salvação de Michel Temer, mesmo que isso implique anular a delação da JBS, justo aquela que mais se aproximou de Lula em pouco mais de dois anos de Operação Lava Jato. Aécio Neves já é uma outra configuração, seus crimes, com ou sem delação já estão mais do que comprovados e a cadeia será o seu destino mais cedo ou mais tarde.

Assuntos de Goiás TV

Destaque

Walter sinaliza com redução salarial, e Vila Nova vai em busca de parceiros

Após reunião, presidente do Tigre diz que atacante aceitou receber menos para jogar no clube. Mesmo assim, diretoria precisa de invest...

Arquivo do blog

Questão Brasil nº 87 | 24 de Maio de 2016

Loading...

Seguidores